A "Estrada" da Mafalda


Ouvi hoje no rádio e fez clic

"Meu amor
Não quero mais palavras rasgadas
Nem o tempo
Cheio de pedaços de nada
Não me dês
Sentidos para chegar ao fim
Meu amor
Só quero ser feliz
Meu amor
Não quero mais razões para apagar
O que nasce
E renasce e nos faz acordar
A loucura
Faz medo se for medo o teu chão
Mas é ar e é terra
Dentro do coração
É ar e é terra dentro do coração
Meu amor
Não quero mais silêncio escondido
Nem a dor
Do que cai em cada gesto ferido
Quero janelas abertas
E o sol a entrar
Quero o meu mundo inteiro
Dentro do teu olhar
Eu quero o meu mundo inteiro
Dentro do teu olhar
E hoje , vê
A estrada é feita pra seguir
E hoje, sente
A vida é feita de sentir
E hoje vira do avesso o mundo
E vê melhor
Deste lado é mais puro
É teu
É tão maior
Deste lado é mais puro
É meu
É tão maior"

Mafalda Veiga

2 comentários:

Guida disse...

Já somos duas. Bjs

ηatalie αfonseca disse...

Apesar de não gostar de Mafalda Veiga, gostei desse poema! :) Bonito!

Enviar um comentário